Polícia prende enteado e comparsa acusados de envolvimento em homicídio em Mato Grosso  

Compartilhe

A Polícia Civil esclareceu, ontem, um homicídio de Juliano Gonçalves Leite, de 40 anos, que ocorreu no mês de julho, em Juína (735 quilômetros de Cuiabá) com cumprimento do mandado de prisão preventiva de dois suspeitos. Segundo as investigações, um dos causados é enteado da vítima é premeditou o crime e pediu o auxílio do comparsa para execução do crime.

Ontem, os policiais cumpriram cinco mandados, sendo três de busca e apreensão e dois de prisão contra os envolvidos no crime, que ocorreu no dia 23 de julho, no bairro Módulo 06. Juliano Leite foi encontrado com diversos ferimentos na cabeça, rosto e pescoço, ao lado da sua motocicleta. A vítima estava sem documentos, porém o corpo foi reconhecido pela esposa que revelou que o marido havia saído de casa com dinheiro na carteira, o qual foi subtraído.

Imediatamente após a localização do corpo, a equipe policial iniciou as diligências para identificar os autores do crime, sendo apontado como suspeito principal o enteado da vítima.

Segundo as investigações, dias as antes do fato do crime, o suspeito e a vítima tiveram uma discussão, ocasião em que o padrasto chegou a pegar uma faca e ameaçar o enteado de morte.

O suspeito começou a planejar a morte da vítima e no dia dos fatos marcou um encontro com o padrasto, através de um aplicativo de mensagens, para que eles conversassem. A vítima foi até o local com a sua motocicleta, ocasião em que foi agredida pelos suspeitos com pauladas na cabeça e pelo corpo, não resistindo aos ferimentos.

Os suspeitos foram conduzidos à delegacia, onde foram interrogados e posteriormente colocados à disposição da Justiça.

Polícia – Só Notícias
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *