Homem morre afogado e polícia deve apurar possível colisão entre lancha e barco em Mato Grosso

Homem morre afogado e polícia deve apurar possível colisão entre lancha e barco em Mato Grosso
Compartilhe

Um homem morreu, ontem, no rio Cuiabá, em Barão de Melgaço (110 quilômetros da Capital). Antônio André Padilha, 48 anos, morador da comunidade de Estirão Comprido, caiu do barco de pesca onde estava, após ter sido, supostamente, atingido por uma lancha.

Tito, como era conhecido, chegou a pedir socorro, mas acabou se afogando. O corpo dele só foi encontrado no começo da manhã deste domingo. Um empresário que pilotava a lancha foi preso e a embarcação apreendida.

A Polícia Militar foi acionada no início da noite pelo telefone funcional, informando um acidente no Rio Cuiabá envolvendo uma lancha e outra embarcação. A denúncia relatou ainda que após o acidente, os ocupantes da lancha fugiram do local e que possivelmente desembarcariam em uma marina na região.

Os policiais foram para o local e encontraram a embarcação com as características repassadas na denúncia. O piloto, que tem 48 anos, apresentou as habilitações e a documentação da embarcação. Questionado, ele disse que não houve a colisão com o barco e que apenas bateu em um “galho de árvore que descia junto com a vegetação de água”.

Porém, duas testemunhas, que são moradoras da região, contaram que estavam perto do rio quando flagraram a lancha em alta velocidade e sem nenhuma sinalização. Em seguida, ouviram um barulho forte e um grito de socorro. Com uma canoa, foram em direção do barulho para saber o que tinha acontecido e avistaram o barco de Antônio.

Ele estava praticamente destruído, segundo as testemunhas. A lancha também estava com uma parte danificada no caso inferior esquerdo, sendo apreendida e entregue no pátio da Polícia. Já o piloto foi encaminhado para Central de Flagrantes de Cuiabá, onde foi autuado.

Polícia – Só Notícias
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *