MPF apura supostas vendas de terrenos no Parque Nacional de Chapada dos Guimarães em MT

MPF apura supostas vendas de terrenos no Parque Nacional de Chapada dos Guimarães em MT
Compartilhe

O inquérito foi instaurado pela procuradora Marianne Cury Paiva e publicado no Diário Oficial do MPF na terça-feira (26). Parque Nacional de Chapada dos Guimarães
Gcom/MT – Rafaella Zanol
O Ministério Público Federal (MPF) instaurou inquérito civil público para apurar a possível venda de lotes por um advogado no interior do Parque Nacional de Chapada dos Guimarães, em desacordo com os regulamentos e plano de manejo que regem a unidade de conservação.
O inquérito foi instaurado pela procuradora Marianne Cury Paiva e publicado no Diário Oficial do MPF na terça-feira (26).
De acordo com o MPF, o ICMBio lavrou dois atos de infração em desfavor do advogado.
Conforme a procuradora, “cabe ao Ministério Público a defesa da ordem jurídica, do regime democrático e dos interesses sociais e individuais indisponíveis, conforme preceitua o artigo 127 da Constituição da República e função institucional do Ministério Público zelar pelo efetivo respeito dos Poderes Públicos e dos serviços de relevância pública aos direitos constitucionalmente assegurados, assim como promover inquérito civil e ação civil pública para a proteção dos direitos difusos e coletivos, tal como determina o artigo 129 da Constituição Federal”.

O Noroeste
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *