Promessa do ténis mundial morre aos 17 anos de câncer

Promessa do ténis mundial morre aos 17 anos de câncer
Compartilhe

O mundo do tênis está de luto, depois de saber que Ignacio Tejeda, uma promessa chilena de 17 anos, morreu nesta quarta-feira (27).

O jovem foi diagnosticado em março de 2020 com câncer e, desde então, lutava contra a doença. Recentemente ele havia viajado até Houston, nos Estados Unidos, para realizar um tratamento que incluía um transplante de medula óssea. Tratamento que IgnacioTejeda acabou não realizando, regressando desta forma ao seu país Natal.

O jovem atleta sentiu dores no peito durante um treino realizado em 12 de março, o que o obrigou a efetuar de imediato uma biópsia que detectou um tumor do tamanho de um punho. O que dificultou o quadro clínico deIgnacioTejeda foi a localização do tumor,uma vez que comprometia o pulmão, a aorta, a veia cava e o coração.

A partir daí, passou por 12 sessões de quimioterapia, o que lhe permitiu reduzir o tamanho da massa em 70%. No entanto, nunca foi totalmente eliminado e em julho decidiram operá-lo e submetê-lo a mais duas sessões de quimioterapia.

Aparentemente, os tratamentos estavam correndo bem, até que Ignacio Tejedacomeçou a sentir dores na região das costelas: “Fizeram exames e descobriram que não só o tumor tinha crescido mais uma vez,como estava maior que o anterior”, explicou um companheirode profissão.

Leia Também: Morre Adrián Campos, um dos principais nomes do automobilismo espanhol

Notícias ao Minuto Brasil – Esporte
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *