Idosos vão ser vacinados contra a Covid-19 em Cuiabá após a chegada de mais doses, diz prefeito | Mato Grosso

Idosos vão ser vacinados contra a Covid-19 em Cuiabá após a chegada de mais doses, diz prefeito | Mato Grosso
Compartilhe

Idosos de acima de 60 anos terão prioridade na vacinação contra a Covid-19, em Cuiabá, após a chegada de mais vacinas. O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) disse que a data de vacinação será divulgada em breve e que deverá ser feito um cadastro para a imunização.

Pelo plano nacional de vacinação, além dos profissionais de saúde, seriam vacinados nessa primeira fase pessoas acima dos 75 anos de idade ou com mais de 60 anos que vivem em asilos e instituições psiquiátricas e a população indígena.

No entanto, como o número de doses disponibilizados pelo Ministério da Saúde nesta semana é baixo, apenas os trabalhadores da saúde estão sendo vacinados.

Mato Grosso recebeu na segunda-feira (18) 126 mil doses da Coronavac. Contudo, metade delas foi destinada aos indígenas, conforme havia sido estabelecido pelo Ministério da Saúde. O restante foi dividido entre os 141 municípios mato-grossenses, entre eles Cuiabá, que recebeu pouco mais de 8 mil doses.

Além dos idosos, pessoas com deficiência, trabalhadores da educação pública e privada e trabalhadores do transporte coletivo também serão imunizados na 2° fase do programa de vacinação publicado pelo governo de Mato Grosso, mas, de acordo com o prefeito, a prioridade são os idosos.

“Tão logo possamos receber mais doses. A segunda fase são com idosos de 80 anos, idosos com mais de 75 anos, idosos com mais de 60 anos, idosos institucionalizados, pessoas com deficiência, trabalhadores da educação pública e privada, trabalhadores do transporte coletivo, enfim, os idosos com certeza são prioridade”, afirma.

A vacinação em Cuiabá começou na quarta-feira (20) com a imunização dos profissionais que estão na linha de frente do combate a Covid-19. Mas a quantidade de doses da vacina é insuficiente até mesmo para esse público-alvo. De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, as doses serão capazes de imunizar 34% dos profissionais da linha de frente.

Para a vacinação da 2° fase ainda não há uma data definida, mas será preciso fazer um cadastro no site da prefeitura de Cuiabá para receber a vacina.

“A data vai ser divulgada, estamos ansiosos, pressionando o governo federal e o Ministério da Saúde para que, com antecedência, nos dê um cronograma do envio de novas doses e a quantidade para que possamos informar a população, tranquilizar e cada vez mais melhorar nosso planejamento”, afirma.

De acordo com a prefeitura, será feito um sistema seguro para que o grupo prioritário se cadastre. O link para o acesso será divulgado nos próximos dias. Também é preciso estar com o cartão de vacina atualizado.

O prefeito ainda alerta sobre os cuidados que ainda precisam ser feitos mesmo com o in[icio da vacinação.

“Vacinar não é estar curado, é o primeiro passo gigante para imunizar a população, mas independentemente disso não aglomere, higienize as mãos frequentemente com água e sabão, use álcool gel, mantenha o distanciamento social, seja responsável com a sua saúde, com a saúde de quem você mais ama e seja responsável com as pessoas”, afirma.

Veja abaixo os principais pontos da estratégia preliminar:

  • Primeira fase: trabalhadores da saúde, população idosa a partir dos 75 anos de idade, pessoas com 60 anos ou mais que vivem em instituições de longa permanência (como asilos e instituições psiquiátricas) e população indígena.
  • Segunda fase: pessoas de 60 a 74 anos.
  • Terceira fase: pessoas com comorbidades que apresentam maior chance para agravamento da Covid-19 (como pacientes com doenças renais crônicas e cardiovasculares).
  • Quarta fase: professores, forças de segurança e salvamento, funcionários do sistema prisional e população privada de liberdade.

O Noroeste
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *