Acima do previsto, MT deve receber 126 mil doses de vacina contra a Covid-19 para imunizar profissionais da saúde e indígenas | Mato Grosso

Acima do previsto, MT deve receber 126 mil doses de vacina contra a Covid-19 para imunizar profissionais da saúde e indígenas | Mato Grosso
Compartilhe

O governo de Mato Grosso anunciou na tarde desta segunda-feira (18) que vai receber 126.160 doses da Coronavac do Ministério da Saúde, na primeira fase da campanha. A previsão inicial era receber 65 mil doses para a imunização de profissionais da saúde, mas o número foi ampliado para a vacinação de indígenas.

Antes, a vacina aos indígenas seria enviada via Distrito Sanitário Especial Indígena, mas o Ministério da Saúde optou por fazer a distribuição por meio das secretarias estaduais de Saúde.

A chegada desse primeiro lote da vacina estava prevista para chegar em Mato Grosso às 16h35, em um voo da empresa Azul, mas agora a estimativa é que o avião com carga chegue ao Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, às 18h50, segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES).

Por causa disso, a vacinação deve começar ainda nesta segunda-feira (18), segundo o estado.

Depois da chegada no Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, a carga de vacinas será escoltada por agentes da Polícia Federal até o Centro de Distribuição do governo do estado. A previsão é que o período entre a chegada da vacina e a entrega à Secretaria de Estado de Saúde demore cerca de duas horas.

Quando a vacina chegar no Centro de Distribuição será feita a separação do medicamento para o envio aos municípios, que começará nas primeiras horas de terça-feira (19).

Todo o processo irá obedecer o grupo prioritário estipulado pelo Ministério da Saúde. Além disso, a secretaria também deverá analisar a quantidade de vacinas pelo número de pessoas desse grupo, já que o total enviado nesse momento para o estado não é suficiente para atender toda a demanda.

Cumprindo com o que determinou o Ministério da Saúde, o Governo de Mato grosso aplicará a primeira vacina em um mato-grossense ainda nesta segunda-feira (18). O local e horário deverão ser informados no início da tarde de hoje.

O governo de Mato Grosso fez um Plano Estadual de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 em Mato Grosso e prevê, caso necessário, o apoio de seis aeronaves do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

Com o objetivo de promover a adequada logística da vacina, com segurança, efetividade e equidade, a SES vai ampliar a Rede de Frio Estadual e já viabiliza uma Central Estadual e mais quatro Centrais Regionais (Barra do Garças, Cáceres, Rondonópolis e Sinop), assim como a aquisição de equipamentos de refrigeração e frota adequada para distribuição terrestre. O investimento estimado é de R$ 2,2 milhões.

A escolta dos materiais até os 14 polos de distribuição será feita pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), além das Polícias Federal e Rodoviária Federal e o Ministério da Defesa. Nos casos em que for necessário, o Ciopaer disponibilizará sua frota aérea para dar celeridade à distribuição.

Nos próximos dias, os 141 municípios de Mato Grosso começam a receber as agulhas e seringas que já se encontram em estoque e que serão utilizadas no plano de vacinação contra a Covid-19.

A SES também providenciou a aquisição suplementar de 6,5 mil seringas para o enfrentamento de vacinação, com investimento na ordem de R$ 2,8 milhões.

O Noroeste
Read More

Redação

Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *